O Corinthians lutou, chegou a abrir o marcador, mas empatou em 2 a 2 com o Independiente Del Valle, do Equador, e acabou sendo eliminado da Copa Sul-Americana em jogo disputado ontem (25) no Estádio Olímpico Atahualpa, em Quito.

Como perdeu de 2 a 0 na partida de ida, para avançar para a final da competição a equipe paulista precisava vencer por 2 a 0 no tempo normal para levar para os pênaltis, ou triunfar por mais de dois gols de diferença em caso de marcar 3 ou mais vezes.

Assim, desde o primeiro minuto o time paulista partiu para o ataque, e abriu o placar aos 23 do primeiro tempo. Pedrinho puxa contra ataque, manda para Vagner Love, que toca para o argentino Boselli escorar para o fundo do gol de Pinos.

Mas o Independiente soube administrar a vantagem. E aos 22 do segundo tempo conseguiu igualar o marcador. Sánchez recebe lançamento longo, parte em velocidade e bate na saída do goleiro Cássio.

O Corinthians manteve a pressão, e conseguiu fazer o segundo após o juiz assinalar pênalti a seu favor. O atacante Clayson cobrou com perfeição para vencer Pinos aos 41.

Porém, o time equatoriano conseguiu empatar aos 44. Após rápido contra-ataque de Mera o atacante Cabeza vence Cássio. 2 a 2 resultado final.

O adversário do Independiente Del Valle na final da Sul-Americana será definido nesta quinta. Após perder de 2 a 1 para o Colón, no jogo de ida, o Atlético Mineiro recebe o time argentino no Mineirão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva seu comentario.
Por favor digite seu nome aqui.