Contratos do Plano Agrícola e Pecuário sobem 32% no terceiro trimestre


O investimento no setor agrícola está em expansão no país. Entre julho e setembro deste ano, 204,3 mil produtores rurais contrataram R$ 50 bilhões do Plano Agrícola e Pecuário 2018/2019. Os empréstimos foram investidos em operações de custeio, comércio, investimento e industrialização das safras. O volume contratado corresponde a uma ampliação de 32% na comparação com o mesmo período do ano passado. Já com relação à quantidade de contratos, a elevação foi de 8%.

Foto: Arquivo/Agência Brasil

Os dados são do Ministério da Agricultura, divulgados nesta sexta-feira (5). Os recursos destinados ao plano são captados de diversas fontes, como Poupança Rural Controlada, Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), fundos constitucionais, assim como recursos obtidos pelas Letras de Crédito do Agronegócio (LCA). A captação favorece ainda os programas de investimento no setor, como o Programa de Modernização da Agricultura e Conservação dos Recursos Naturais (Moderagro), que registrou ampliação de 391% nos financiamentos; em seguida vem o Programa para Construção e Ampliação de Armazéns (PCA), que cresceu 151%, e o Programa de Baixa Emissão de Carbono (ABC), que teve elevação de 112%.

Fonte: Governo do Brasil/ Ministério da Agricultura
Publicidade
Ultimas notícias